Overview
Em 2013, o Itaú patrocinou o Rock in Rio, o maior festival de música do mundo. O desafio era combater a imagem sisuda comumente associada ao segmento de bancos, promover o engajamento com a marca e repercutir nas redes sociais. Para isso, recriamos um palco dentro do festival e convidamos o público a subir nele. A partir de um cadastro biométrico conectado ao Facebook dos participantes, levamos uma multidão digital a gritar seus nomes, levantar fotos e faixas com declarações, além de seguir seus movimentos graças a sensores. Um clipe com a performance era gerado e compartilhado em tempo real na internet. Durante a semana do evento, foram filmados, editados e compartilhados em tempo real no Facebook dos participantes mais de três mil clipes, resultando em mais de 200 mil interações entre os fãs nas redes sociais (a marca com mais interações durante o festival), o que impactou mais de 10 milhões de pessoas e consagrou o Itaú como a marca mais lembrada por quem foi ao Rock in Rio (74%), acima de Coca-Cola (67%) e Heineken (66%).

Cases relacionados / Related cases